Buscar

Receptores olfativos em pele com dermatite atópica?


A dermatite atópica (DA) é uma das inflamações crônicas mais comuns na pele. Complicações associadas com a DA incluem, superinfecção bacteriana, predisposição a alergia alimentar, manchas na pele e sequelas psicossociais. A intensa coceira na pele resulta em uma perda de sono, interrupção da convivência social e perda na qualidade de vida.

Um estudo teve como objetivo caracterizar a expressão de receptores olfativos (ROs) na pele e avaliar respostas biológicas mediadas por RO de queratinócitos humanos primários na presença de ligantes odorantes.

Foi caracterizado a expressão de ROs, em particular OR10G7, em biópsias de pele e amostras de tiras de fita de pele. Também avaliou-se alterações na expressão de OR10G7 em queratinócitos humanos primários de pacientes com DA e controles normais (NC) em diferentes estágios de diferenciação. Avaliou-se ainda as respostas biológicas mediadas por OR10G7 dos queratinócitos humanos primários na presença de seus ligantes conhecidos, os odorantes, acetofenona e eugenol.

Um total de 381 transcritos do gene RO foi detectado nas amostras de pele, com a maior expressão de ROdetectada nas tiras da fita, correspondendo à camada granular superior da pele. A expressão de OR10G7 foi mais alta nos queratinócitos AD indiferenciados e foi sub-regulada com diferenciação progressiva. Os queratinócitos humanos primários produziram ATP, um neurotransmissor essencial nas vias sensoriais, em resposta à acetofenona e eugenol, odorantes previamente identificados como potenciais ligantes para esse receptor.

Foi demonstrado que o RO ectópico, OR10G7 detectável na pele, é mais altamente expresso na DA quando comparado à pele normal. O aumento da expressão de OR10G7 na pele com DA sugerem que esse OR esteja envolvido na patogênese da inflamação alérgica e/ou na indução de vias quimiosensoriais, mediando a coceira ou a percepção da dor. Assim, as ROs podem servir como potenciais alvos terapêuticos futuros para a inibição da dor patológica ou vias de coceira nos distúrbios inflamatórios alérgicos da pele, como a DA. O eugenol se mostrou que ativa uma resposta biológica para o receptor OR10G77 e um indutor forte de respostas inflamatórias.

Quem diria que os receptores olfativos seriam tão promissores?!! Deixe seu like e salve para ler depois.

SOMOS GRATOS PELA VISITA!

Referência: Tham, E.H.; Dyjack, N.; Kim B.E.; Rios, C.; Seibold, M.A.; Leung, D. Y.M.; Goleva, E. The expression. And function of the ectopic olfactory receptor OR10G7 in atopic dermatitis. Journal of Allergy Clinical Immunology, vol. 143, n. 5, p. 1838-1848, 2019.

Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.jaci.2018.11.004

Texto escrito por: Jessica C. Bergmann – Aromaterapeuta, Bióloga, Professora e Criadora de Conteúdo da Apotecários da Floresta, Proprietária da @ser.elementar

#apotecariosdafloresta #aromaterapia #aromatologia #oleosessenciais #medicinanatural #plantasmedicinais

10 visualizações
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
  • WhatsApp

contato @apotecariosdafloresta.com